Infelizmente, quando se trata de malware móvel, os telefones Android têm a distinção duvidosa de atrair mais do que o normal de vírus, e esses malwares podem variar de serviços irritantes de entrega de anúncios pop-up a sofisticados spywares móveis que permitem que um hacker espie todas as suas ações. Portanto, se você acha que possui um vírus no telefone, definitivamente deseja seguir algumas etapas para removê-lo.

Como tirar o vírus do celular deletando apps suspeitos?

Detectar um aplicativo que você não se lembra de baixar pode ser um sinal vermelho. E outros aplicativos, especialmente aplicativos gratuitos de pequenos desenvolvedores, podem conter adware. Portanto, se você vir os aplicativos que não precisa, desinstale-os, apenas por segurança.

Para desinstalar aplicativos, acesse Configurações -> Aplicativos e notificações -> Todos os aplicativos e clique no aplicativo em questão. Isso deve exibir sua tela dedicada com um botão de desinstalação, o que pode ser suficiente para remover o malware. No entanto, se o botão de desinstalação estiver acinzentado, o aplicativo poderá ter acesso de administrador, tornando mais difícil a remoção.

Nesse caso, vá para Configurações -> Segurança e local> Avançado -> Administração de dispositivos e aplicativos e verifique se há aplicativos nessa lista que não devam ter acesso tão profundo. Nesse caso, você pode tocar no aplicativo para desativá-lo, o que permitirá desinstalá-lo no menu Aplicativos e notificações.

Execute um antivírus para celular

O meio mais certo de confirmar malware em um dispositivo é executar uma verificação antivírus. O antivírus móvel pode verificar automaticamente downloads e avisar sobre aplicativos que podem vazar informações pessoais, permitir anúncios pop-up no seu dispositivo ou esgotar a bateria do telefone.

Os principais fornecedores de software de segurança, como Kaspersky, Avast, Norton e AVG, também possuem aplicativos para Android, alguns dos quais pagos, mas todos oferecem uma opção gratuita. Também existem provedores exclusivos de celular, como o Lookout Security. Faça o que fizer, não basta baixar um aplicativo de segurança aleatório do Google Play, muitos desses aplicativos não fazem nada e alguns podem até criar problemas de segurança.

Entre no seu aplicativo antivírus e selecione uma verificação, que deve sinalizar os aplicativos exatos que estão apresentando uma ameaça ao seu dispositivo. Você pode remover o malware diretamente do aplicativo ou desinstalá-lo manualmente em Configurações -> Aplicativos e notificações. Se a primeira verificação não encontrar nada, faça o download de um segundo aplicativo anti-malware, pois descobrimos que os programas de segurança podem variar em quais aplicativos de vírus eles detectam.

É importante notar que os aplicativos antivírus também podem consumir muita bateria do telefone, principalmente se você ativar um recurso de verificação contínua.

Voltar para as configurações de fábrica do Android

Se a desinstalação do (s) aplicativo (s) suspeito (s) não impedir que seu telefone mostre mensagens irritantes ou algo pior, talvez seja necessário optar pela opção nuclear de redefinir a fábrica, o que limpará o telefone de todos os dados. fotos e mídia armazenadas em backup e todas as mensagens que você deseja salvar, vá para Configurações -> Sistema -> Avançado -> Opções de redefinição -> Apagar todos os dados.

Impeça a reinstalação do malware no celular

Depois que o telefone estiver livre de malware, é uma boa ideia desconfiar do que você baixa e de onde faz o download. Sempre faça o download de aplicativos do Google Play ou de outras fontes confiáveis ​​e faça o download apenas dos aplicativos que você realmente precisa e saiba que são seguros. Mesmo assim, fique de olho no fato de estar realmente fazendo o download do jogo popular ou apenas uma farsa inteligente.

Remoção de vírus do Android

Aprenda a remover um vírus do Android para proteger seu smartphone e suas informações pessoais. (Foto: vaaju.com)

Sinais de vírus no celular

Embora o telefone possa exibir sintomas claros de uma infecção por malware, muitas vezes aplicativos maliciosos permanecem inativos no telefone. Em vez disso, o dano aparece como uma cobrança no seu cartão bancário ou uma conta telefônica com taxas de dados incomumente altas.

Os usuários comuns geralmente não descobrem que algo está errado até que seja tarde demais, pois é difícil detectar malware com um olho não treinado, especialmente no caso de malware sofisticado que pode, por exemplo, ocultar notificações por SMS ou funcionar apenas quando o dispositivo está cobrando [para que o usuário não perceba.

Dito isto, muitas formas de malware menos sofisticado produzirão sintomas em um telefone infectado.

Duração da bateria diminuída: se você baixou inadvertidamente um minerador de criptomoedas, é provável que a duração da bateria do seu telefone caia muito mais rápido que o normal. Embora possa haver muitas outras causas de consumo de bateria do Android.

O telefone funciona mais devagar: o malware que está constantemente enviando informações de volta para uma nave-mãe pode atrapalhar o poder de processamento do seu telefone, resultando em um desempenho geral mais lento.

Maior uso de dados: da mesma forma, os aplicativos de roubo de informações e os mineradores de dados podem usar muitos dados – portanto, verifique suas configurações para ver como está o seu subsídio mensal. Outros malwares que podem se revelar no uso da largura de banda incluem aplicativos que utilizam secretamente seu dispositivo para uso em ataques de DDOS (negação de serviço distribuída) para congelar outros sites.

Notificações suspeitas de bancos e serviços desconhecidos: se um malware bancário roubar seus dados, isso poderá resultar em seu banco – ou outra instituição financeira – notificando você sobre cobranças ou até novas contas abertas em seu nome. O malware por SMS também pode se revelar em serviços de texto premium, enviando notificações das taxas que você acabou de pagar.

Anúncios pop-up: está vendo muitos pop-ups enquanto navega na Web para dispositivos móveis? Você pode ter sido infectado com adware. Os pop-ups podem significar que o malware se instalou no sistema operacional e têm um gatilho para um pop-up com base nas maneiras comuns pelas quais os usuários operariam seus telefones. A ideia é envolver os usuários quando eles têm maior probabilidade de clicar em um anúncio ou oferta, baixando assim outro bit de malware que pode causar maiores danos ao dispositivo ou aos dados.

E mesmo que seu telefone não possua malware, lembre-se de que existem outras maneiras de invadir seu telefone. Então procure proteger seu dispositivo, fazer sempre backup de suas informações e tomar o máximo de cuidado possível.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)