As pessoas que tiveram os primeiros smartphones com acesso à internet, certamente já baixaram o Opera Mobile alguma vez porque ouviram falar que era o navegador mais rápido para telefones celulares. Tanto no Android quanto iPhone, e mesmo no antigo (e agora sepultado) Symbian, o Opera sempre foi uma excelente opção. de navegador.

Opera para iPad e a tela maior

Quando a tela é maior como no caso do iPad, o mesmo aplicativo que funcionava nos aparelhos com telas minúsculas precisou, sem dúvidas ser refeito. Esta otimização, voltada para o uso de telas maiores, mostrou que o Opera não está brincando em serviço. Recursos como sincronização de favoritos do Opera entre diferentes plataformas, e a redução do consumo de dados ao acessar os sites, são diferenciais do Opera que foram mantidos na versão para iPad.

(Foto: news.en.softonic.com)

E o Opera no Android?

No Android, não sinto a necessidade de outro navegador além do oficial, o Chrome para Android. No Symbian, eu usava e achava o Opera excelente, bem melhor que o navegador padrão do aparelho. A grande vantagem, é que era mais leve e tinha várias melhorias de usabilidade. Facilitou muito minha vida de navegação nos primórdios do 3G, quando ele ainda conseguia ser mais lento do que hoje em dia (sim, isso é possível). Outro concorrente bem próximo do Opera é o Firefox, que também está disponível para várias plataformas. São 3 concorrentes principais, seguidos de perto hoje em dia pelo excelente Edge, da Microsoft. Como será que vai ficar essa disputa daqui pra frente?

Você usa o Opera Mobile em seu smartphone? O que você mais gosta nele? O que mais me atrai no Opera sempre foi a velocidade e eficiência no uso da memória RAM, seja qual for o aparelho em que ele esteja rodando. É bem leve e prático!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)