Os jogadores sempre quiseram o melhor da tecnologia, o que lhes dá uma vantagem competitiva. As melhores especificações, periféricos e zero distração para garantir que sejam acionados primeiro. O mercado de smartphones respondeu a jogadores apaixonados, lançando telefones voltados para jogadores que estão ganhando força.

Porém, os smartphones para gamers ainda tem um preço alto em comparação com outros telefones. Então, os telefones desse tipo valem a atualização? Os telefones de jogos realmente oferecem uma vantagem?

Desempenho superior de um smartphone gamer

O melhor da maioria dos telefones orientados para jogadores atualmente é que a compra de um praticamente garante que você obtenha as melhores especificações do mercado. Juntamente com a criação de conteúdo, os videogames são algumas das atividades mais intensivas em processador que os telefones precisam: as especificações de ponta são de extrema importância.

Os smartphones para jogos oferecem as melhores especificações do setor para combinar com qualquer smartphone topo de linha. Além dos jogos, é mais do que suficiente para as suas necessidades de criação de múltiplas tarefas e conteúdo.

Celulares gamer são também bons para o entretenimento

Um dos momentos mais emocionantes de pegar um telefone de jogo moderno é apreciar uma tela com uma taxa de atualização mais alta, geralmente de 120 Hz ou mais. Eles são oferecidos nos modelos mais recentes de smartphones para jogos, e você sente a diferença ao percorrer os menus e percorrer os mundos dos jogos.

As taxas de atualização maiores para celulares de jogos estão um nível à frente das taxas de atualização de tela oferecidas pelo restante da indústria. Hoje, a maioria dos telefone tem uma taxa de atualização bem abaixo de 100 Hz. A maioria das pessoas com telas de 120Hz diz que essa emoção desaparece quando você fica online e compete em uma arena multiplayer. A suavidade da sua experiência é amplamente determinada pela sua conectividade e pela rapidez com que a Internet pode ajudá-lo a processar a jogabilidade em tempo real.

No entanto, um ótimo argumento com o qual ninguém discutirá são os alto-falantes frontais massivos na maioria dos telefones focados em jogos atualmente. Faz sentido para jogos, especialmente quando você mantém o cenário de seus telefones, bem como para assistir a vídeos.

Celular para jogos

Um celular para jogos pode ser mais caro, mas pode te da ruma experiência melhor com jogos. (Foto: TechRadar)

Suporte a periféricos em um smartphone para jogos

Jogar jogos com os dedos cobrindo os cantos da tela nunca foi o ideal, mas era inevitável que os desenvolvedores tivessem que contornar o problema. Os jogadores provavelmente apreciarão controladores modulares e periféricos que você pode conectar aos telefones de jogos para obter maior precisão durante os jogos.

A capacidade de girar a câmera sem arrastar o dedo até a metade da tela é um grande alívio. Os controles da tela sensível ao toque são especialmente ruins quando você tem as mãos suadas.

Mas também vem com truques prontos para uso, como um ventilador motorizado incluído que pode ser conectado ao telefone para longas horas de jogo. Testes de benchmark mostrarão que não faz diferença.

Pagando a mais por extras

Se o iPhone é um exercício de minimalismo, os telefones para jogos são o oposto total. Muito do que seu dinheiro está investindo é a estética do telefone, grande parte do que não é essencial.

Os painéis de celulares para jogos geralmente tem aberturas que alimentam uma máquina incrivelmente poderosa, mas na verdade eles estão lá apenas para a aparência. De fato, fica mais difícil envolver um estojo em torno desses dispositivos para jogos.

Esses telefones também vêm com luzes RGB que você pode programar por meio de um aplicativo, alterando a cor do logotipo na parte traseira do dispositivo. É legal, mas, novamente, não é essencial.

Software e interface do usuário também costumam receber uma revisão bizarra. Alguns oferecem mais ou menos a experiência estoque do Android para uma experiência de usuário limpa. Mas outros podem oferecer designs de interface do usuário acentuados por néon, influenciados pela estética dos jogos popularizada por empresas como a Razer.

Qualquer um que goste dos designs minimalistas da Apple e do Pixel dirá que é uma desgraça e exigirá um pouco de trabalho com papéis de parede e launchers alternativos para corrigir.

Quais os problemas de celulares para jogos?

O obstáculo mais difícil de atravessar para a maioria de nós seria o compromisso que esses telefones fazem em outra área. Nem todo mundo apreciaria a estética complicada que apenas grita “Olha, eu sou um jogador!”.

Além de sua aparência, esses dispositivos têm enfrentado grandes dificuldades no departamento de câmeras. Muito longe do desempenho dos smartphones comuns a esse preço. O fato de que muitos desses carros-chefe também oferecem especificações semelhantes e uma câmera muito superior os torna difíceis de recusar.

A dura realidade de celulares para jogos

Sua decisão depende muito de quanto você valoriza os jogos pelos compromissos dos telefones, como câmera, estética e simplicidade. Grande parte de seu desempenho é semelhante ao das grandes empresas – é um debate sobre seus truques e acréscimos focados nos jogadores.

Hoje, os jogos para celular também levantam a questão: vale a pena investir um gadget de milhares de reais? Muitos dos jogos para celular de hoje operam com uma estrutura pague para ganhar. Pague um realadicional por um slot de habilidade adicional; créditos para reviver; compre a versão completa aqui.

Os jogos também continuam mudando, com muito poucos títulos perpétuos, como DOTA ou Fortnite, que permanecem populares por anos. Sem essa consistência, ficar “pro” em um título não significa muito e talvez não valha a pena sacrificar os outros aspectos de um ótimo telefone mais em conta. Para um jogo de qualidade, talvez economize esse dinheiro extra para um próximo videogame.

O que acham de celulares para jogos? Vocês investiriam em um dispositivo para essa finalidade?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)