Como desbloquear o PUK?

Escrito na categoria "Dúvidas de aparelhos e apps" por André M. Coelho.

Se você tiver um PIN do cartão SIM habilitado em seu telefone para acessar os dados no cartão SIM, mas você inseri-lo incorretamente várias vezes, o cartão SIM pode impedi-lo de novas tentativas. Você pode redefinir o cartão SIM, usando o que é chamado de código de desbloqueio pessoal ou código PUK, que geralmente pode ser obtido na operadora do telefone.

Bloqueio PUK em um cartão SIM

Você pode definir um código PIN do SIM para evitar que as pessoas acessem dados, como contatos armazenados no cartão SIM sem sua permissão, mesmo se eles fisicamente possuírem seu telefone e, em seguida, roubarem o cartão. Isso é separado de uma senha ou bloqueio biométrico que você pode definir no próprio telefone, uma vez que foi projetado para proteger os dados no SIM, não no telefone.

Em um telefone Android, você pode definir um PIN do SIM, usando o menu Configurações.

Toque no aplicativo Configurações na tela inicial e, em seguida, toque em para ir para o submenu “Segurança” ou “Impressões digitais e segurança”.

Toque em “Configurar bloqueio do cartão SM” e selecione “Bloquear cartão SIM” para bloquear o cartão.

Geralmente, você terá que inserir o PIN de bloqueio do SIM padrão existente, que pode ser obtido com o fabricante ou operadora do telefone, embora possa alterá-lo posteriormente, por meio do mesmo menu.

Em um iPhone, toque em “Configurações”, depois em “Telefone” e em “PIN do SIM” para ativar ou desativar o PIN de bloqueio. Se você não souber o PIN existente, entre em contato com sua operadora para obter ajuda.

Desbloqueio de PUK no celular

Desbloqueie o número PUK do seu SIM para poder usar em diferentes redes. (Foto: APKPure.com)

Código PUK bloqueado, como desbloquear?

Se você inserir o PIN do cartão SIM errado repetidamente, o cartão SIM será bloqueado como uma medida de segurança adicional. Isso evita que alguém simplesmente adivinhe todos os PINs possíveis para acessar seus dados, caso roube seu telefone ou cartão SIM.

Assim que o cartão SIM estiver bloqueado, você precisará usar um código separado chamado código PUK para desbloqueá-lo. Sua operadora pode fornecer o código PUK para seu cartão SIM. Às vezes, você pode encontrar isso no site da sua operadora depois de fazer login e, geralmente, também pode obtê-lo ligando para o atendimento ao cliente ou levando o telefone a uma loja da operadora. Assim que tiver o código PUK, você pode inseri-lo e redefinir o PIN do SIM para um que você conheça.

Se você não souber o código PUK do cartão SIM, não tente adivinhá-lo. O cartão SIM pode ficar bloqueado permanentemente e precisar ser substituído, potencialmente perdendo seus dados, se você inserir repetidamente um código PUK incorreto.

Cuidado ao desbloquear o código PUK

Quando o telefone muda de pedir um PIN para pedir um PUK, pare de inserir os códigos. Se você digitar o código PUK errado muitas vezes, o PUK será bloqueado permanentemente e você precisará comprar um novo cartão SIM. Algumas operadoras permitem que você gere um PUK por meio de sua conta no site ou conversando com o chat de suporte online, até mesmo pelo atendimento automático de algumas operadoras de telefonia no Brasil.

Esperamos não ter deixado dúvidas sobre o desbloqueio do seu código PUK. Caso você tenha alguma dúvida, sugestão, crítica ou elogio, deixem nos comentários suas perguntas e iremos ajudar.

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Quando André entrou na faculdade em 2004, notebooks eram ainda muito caros. Para anotar as informações, buscou opções, encontrando no Palm Zire 72 um aparelho para ajudá-lo a registrar informações das aulas. Depois, trocou por um modelo de celular com teclado, Qtek quando o 2G e o 3G ainda engatinhavam no Brasil. Usou o conhecimento adquirido na pesquisa de diferentes modelos para prestar consultoria em tecnologia a diversas empresas que se adaptavam para o mundo digital. André passou ainda por um Samsung Omnia, um Galaxy Note II, e hoje continua um entusiasta de smartphones, compartilhando neste site tudo que aprendeu.

Deixe um comentário