Fabricantes de telefones celulares falsificados imitam todas as facetas da aparência de um telefone de marca para fazer com que seus produtos pareçam genuínos. A cobertura externa e a tela do telefone, os logotipos e a marca impressos, a embalagem e os acessórios incluídos podem ser todos copiados, dificultando a identificação de um telefone falso ou original. Sempre que possível, é sempre preferível comprar um telefone através de um revendedor de renome ou lojas grandes que possam atestar a autenticidade de um telefone. No entanto, com a prevalência de compras na Internet e sites de leilões, isso pode não ser uma opção. Aqui estão algumas dicas simples para ajudá-lo a identificar se um telefone é genuíno ou falso.

Aprenda a separar os celulares piratas dos originais

É importante fazer uma pequena pesquisa antes de comprar um novo telefone. Você só deve comprar um telefone fabricado por um fabricante confiável. Antes de se comprometer com uma compra, você deve saber o número do modelo específico do telefone, as cores disponíveis, os recursos, o software e o hardware incluídos e a garantia oferecida ao produto. Informações sobre um modelo específico de telefone podem ser encontradas no site do fabricante ou em um revendedor oficial. Uma vez que você tenha essa informação, a tarefa de identificar um falso é muito mais fácil.

Aparência do celular falsificado

À primeira vista, um telefone falsificado pode parecer idêntico a um modelo genuíno. Em uma comparação mais próxima, você pode identificar algumas diferenças óbvias entre um original e um falso, como a cor, a localização dos botões, o tamanho ou a grafia do nome da marca. Algumas falsificações são menos óbvias. Os falsificadores conseguem imitar os detalhes do design até detalhes minuciosos, tornando difícil dizer se um telefone é genuíno. Se conseguir visualizar o produto pessoalmente, poderá notar uma diferença no peso, tamanho da tela, localização dos botões e bateria, qualidade da impressão e acabamento da pintura, funções adicionadas ou ausentes, adesivos de controlo de qualidade e hologramas de identificação e uma falta de qualidade nos detalhes.

Características de um celular falsificado

Os telefones falsificados podem ter recursos diferentes para modelos originais, como cartões SIM duplos, TV analógica, etc. Verifique o número do modelo e as especificações técnicas do telefone original que você deseja comprar e verifique se eles correspondem ao que está sendo oferecido. Os telefones falsificados também costumam oferecer recursos que simplesmente não existem ou que não são como dizem. Por exemplo, pode-se dizer que câmeras embutidas tem 8 megapixels quando não tem ou oferecem GPS quando não tem. Os telefones falsificados também podem diferir de uma verdadeira disponibilidade de cores, capacidade de memória, megapixels da câmera, qualidade de tela e sistema operacional. É importante comparar os recursos técnicos para garantir que o telefone seja original.

Identificando celulares falsos

Identifique celulares falsos para evitar sair no prejuízo. (Foto: WiredBugs)

Funcionalidades do smartphone falsificado

Os telefones do mercado negro são fabricados a partir de componentes baratos e de baixo padrão e, muitas vezes, são executados em sistemas operacionais de segunda linha ou pirateados. Os falsificadores usam chipsets baratos de geração mais velha, que podem oferecer a mesma funcionalidade que um modelo genuíno, mas com velocidades de processamento muito mais lentas. Se você, sem saber, comprou um telefone falso, você perceberá muito rapidamente depois de ligá-lo. As velocidades de processamento costumam ser muito mais lentas, os sistemas operacionais tem recursos ausentes e o telefone pode não ser compatível com software e aplicativos da loja oficial do dispositivo.

Disponibilidade do dispositivo pirata

Telefones celulares falsificados tendem a entrar no mercado quando um modelo genuíno está fora de estoque ou indisponível. Muitas vezes, se os fabricantes e vendedores registrados dizem que um modelo está fora de estoque ou indisponível, as falsificações começam a aparecer em sites de leilão e através de vendedores não registrados. Isso também é comum quando um telefone não está disponível em determinadas cores. Cuidado pois os falsificadores aproveitam esta oportunidade para enganar os consumidores quando o produto genuíno é mais procurado.

Número do IMEI no celular e selo da ANATEL

Todo telefone celular original tem um número de série para registrá-lo em uma rede de operadoras. Esse número é chamado de número internacional de identidade de equipamento móvel (IMEI). O número IMEI pode ser usado para verificar a legitimidade de um telefone. Muitas vezes, os modelos falsificados não tem um número IMEI ou usam um falso. Se você estiver vendo o telefone pessoalmente, poderá encontrar o número IMEI na embalagem do produto, sob a bateria do telefone ou pressionando *06 no telefone.

Se você não estiver vendo o telefone pessoalmente, pergunte ao revendedor o número IMEI do telefone. Para verificar a legitimidade do número IMEI de um telefone e qualquer informação relacionada ao país de produção, fabricante e tipo de modelo, você pode usar ferramentas online para verificar o IMEI do dispositivo.

Não se esqueça de verificar se o aparelho tem o selo da Anatel, caso tenha sido importado para o Brasil ou comprado de um fornecedor brasileiro. Isso garante que ele foi verificado no país e reduz as chances de ser falsificado.

Como identificar baterias e carregadores falsos?

Os telefones celulares não são o único produto eletrônico visado por falsificadores. As baterias e carregadores de telefones celulares do mercado negro também estão se infiltrando no mercado, representando um risco potencial de saúde e segurança para os consumidores. Baterias e carregadores falsos são frequentemente oferecidos como produtos de pós-venda, encontrados em sites de leilões ou em lojas não registradas, muitas vezes a um preço significativamente menor do que os produtos genuínos.

Dada a aparência uniforme da maioria das baterias e carregadores de telefones celulares, pode ser difícil identificar quais produtos são falsos e quais são genuínos. Aqui estão algumas dicas simples para ajudá-lo a identificar se uma bateria e um carregador são originais ou falsos.

Compre de um fabricante e varejista confiável

Você só deve comprar acessórios para celular feitos por um fabricante confiável. Se você deseja substituir uma bateria ou um carregador, consulte as informações do fabricante original para garantir a compra da bateria ou do carregador apropriado para o seu modelo de telefone. É importante observar que você deve usar somente um carregador especificado pelo fabricante para carregar a bateria do celular. Você também deve tentar comprar seus acessórios para celular de um varejista confiável que possa verificar a autenticidade de seus produtos.

Aparência

A maioria das baterias e carregadores de telefones celulares é muito parecida, dificultando a identificação de produtos legítimos e falsificados. Se você é capaz de inspecionar o produto em primeira mão, então você deve procurar por sinais de má qualidade, tais como: impressão imprecisa, texto incorreto, colocação de etiqueta torta e sinais de defeito de fabricação. Alguns fabricantes de telefones celulares também colocam adesivos de holograma em suas baterias, que são difíceis de reproduzir por falsificadores embora muitos tentem.

Garantia

Todos os genuínos fabricantes de telefones celulares oferecem uma garantia limitada que cobre o aparelho, o software e os acessórios. A maioria dos acessórios genuínos é coberta por um determinado período de tempo a partir da data de compra pelo proprietário original. Fabricantes e vendedores registrados também oferecem suporte ao cliente e manutenção de produtos danificados. As baterias e carregadores do mercado negro raramente vêm com uma garantia ou oferecem suporte ao cliente e manutenção de produtos danificados. É importante manter o recibo de qualquer acessório de celular adquirido para que você possa fazer uma reclamação de garantia se o produto estiver defeituoso. Também é vantajoso manter toda a prova de compra no caso de você ter comprado um falso para poder notificar as autoridades competentes.

Preço

Se o preço parece bom demais para ser verdade, então provavelmente é. Baterias e carregadores de telefones celulares falsificados são feitos de componentes baratos e de baixa qualidade, permitindo que sejam produzidos por uma fração do preço de produtos genuínos. Além disso, os falsificadores não precisam investir em pesquisa, projeto e testes de segurança de produtos. Eles não pagam impostos do governo, taxas de importação e não estão vinculados por regulamentos de comércio justo ou salário mínimo para seus funcionários. Todos esses fatores significam que as falsificações podem ser vendidas a um preço muito mais baixo do que um produto genuíno.

O que fazer se você comprar um celular, bateria ou carregador falsificado?

Se você comprou um telefone falso por engano, tente devolvê-lo de onde comprou para obter um reembolso total. Então você deve relatar a venda de falsificação para a polícia, o proprietário genuíno da marca e quaisquer autoridades relevantes o mais rápido possível. Se você comprou o produto online, tente entrar em contato com o vendedor para solicitar um reembolso e, em seguida, denunciar a venda falsificada. Não se esqueça de procurar o PROCON no caso de ter algum problema para reaver seu dinheiro.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)