WhatsApp nao funciona no WiFi? O que fazer?

Escrito na categoria "Dúvidas de aparelhos e apps" por André M. Coelho.

O WhatsApp pode ficar inativo inesperadamente a qualquer hora do dia ou da noite por conta de problemas na rede WiFi, no smartphone, roteador ou outras questões que iremos tratar abaixo em detalhes. Prepare-se então para conseguir usar seu WhatsApp mesmo nas redes sem fio mais problemáticas que você possa encontrar.

WhatsApp não conecta mesmo com internet: o que pode ser?

WhatsApp é um serviço online, o que significa que você deve ter uma conexão ativa com a internet para usá-lo. Abra o navegador em seu smartphone e tente navegar para uma nova página da Web ou abra e atualize outro serviço o-line, como o Facebook ou o Twitter. Se a sua conexão com a internet parece estar funcionando, passe para a próxima dica. Se você não pode ficar online, existem várias coisas que você pode tentar.

Se você estiver usando o Wi-Fi, primeiro tente ativar e desativar a conexão ou colocar e remover o telefone do modo de Vôo. Como alternativa, você pode tentar reiniciar seu telefone.

Verifique também se o seu telefone não está desligando a conexão Wi-Fi quando ele vai para o modo “sleep/adormecido”. Vá para Configurações, Wi-Fi, escolha Avançado no menu Opções e verifique se “Manter Wi-Fi ativado durante o sleep” está definido como Sempre.

Se tiver certeza de que o serviço de banda larga em si não está desativado, você também pode tentar reiniciar o roteador sem fio.

Se você estiver usando dados móveis, verifique se a conexão de dados móveis não está desativada no menu Configurações e se você tem sinal suficiente.

Você também deve verificar se não restringiu o uso de dados em segundo plano para o WhatsApp no ​​menu Uso de dados e se as configurações do ponto de acesso estão corretamente configuradas. Se você puder usar o WhatsApp por WiFi, mas não por conexão móvel, é provável que as configurações de ponto de acesso não estejam configuradas para permitir tráfego não relacionado à web. Verifique com sua operadora de celular ligando para o número de atendimento.

Por fim, verifique se você não ultrapassou o limite de dados móveis.

WhatsApp e WiFi

Conserte os problemas de conexão do WhatsApp no WiFi para poder usar seu app sem dores de cabeça. (Foto: divulgação)

WhatsApp não funciona com WiFi: atualize seu app

O WhatsApp obtém novos recursos o tempo todo, o que se traduz em uma boa quantidade de atualizações de aplicativos. Às vezes, o WhatsApp não funcionará a menos que você esteja executando a versão mais recente, e esse é certamente o caso se você tiver feito o download do aplicativo em um tablet ou outro dispositivo Android para o qual não está disponível no Google Play.

Em um telefone Android, você deve verificar as atualizações de aplicativos abrindo o Google Play, tocando nas três linhas no canto superior esquerdo e escolhendo Meus aplicativos e, em seguida, consultando a guia Instalado para ver as atualizações disponíveis.

Em um iPhone, abra a App Store e toque no ícone Atualizações na parte inferior direita da tela. O WhatsApp recomenda também garantir que você esteja executando a versão mais recente do iOS.

Um último recurso é desinstalar e reinstalar uma nova cópia do WhatsApp para testar novamente, e ver se ele está funcionando.

Antes de fazer isso, você provavelmente precisará fazer backup de suas conversas do WhatsApp, o que, em um telefone Android, exigirá que você também execute o aplicativo gratuito do Google Drive.

Backup do WhatsApp

Faça o download, faça login usando os detalhes da sua Conta do Google e, em seguida, no WhatsApp, escolha Configurações, Bate-papo, Backup de bate-papo e pressione o botão verde Backup.

Quando você reinstala o WhatsApp, ele pesquisa automaticamente no Google Drive por uma cópia de backup de suas conversas, para que, quando encontrar o backup, ele possa restaurá-lo.

Conseguiu conectar seu WhatsApp depois dessas dicas? Se não conseguiu, deixem nos comentários suas dúvidas e iremos tentar ajudar!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Quando André entrou na faculdade em 2004, notebooks eram ainda muito caros. Para anotar as informações, buscou opções, encontrando no Palm Zire 72 um aparelho para ajudá-lo a registrar informações das aulas. Depois, trocou por um modelo de celular com teclado, Qtek quando o 2G e o 3G ainda engatinhavam no Brasil. Usou o conhecimento adquirido na pesquisa de diferentes modelos para prestar consultoria em tecnologia a diversas empresas que se adaptavam para o mundo digital. André passou ainda por um Samsung Omnia, um Galaxy Note II, e hoje continua um entusiasta de smartphones, compartilhando neste site tudo que aprendeu.

Deixe um comentário