Muitas pessoas erroneamente pensam no Bluetooth como uma coisa, não uma tecnologia. Os dispositivos Bluetooth mais populares são fones de ouvido de telefone celular. Um telefone celular com Bluetooth pode transmitir o áudio do telefone para o fone de ouvido, que permite ao usuário escutar e falar sem segurar o telefone ou lidar com quaisquer fios. Você pode facilmente reconhecer alguém usando esses dispositivos Bluetooth populares porque eles parecem estar falando para si. Só se você olhar de um lado você pode ver o fone de ouvido Bluetooth. Outros dispositivos Bluetooth com capacidade incluem computadores, acessórios, impressoras, receptores GPS, câmeras e até mesmo carros.

A origem do nome e do logo Bluetooth

Apesar das várias origens que você irá ler e ouvir sobre o nome Bluetooth (Dente Azul, na tradução literal) a palavra é uma versão latinizada da Scandinavian Blåtand/Blåtann, um epíteto do rei do século X, Harald I da Dinamarca e parte da Noruega, que uniu tribos dinamarqueses dissonantes em um único reino. A ideia desse nome foi proposta por Jim Kardach, que desenvolveu um sistema que permitia telefones celulares se comunicarem com computadores (na época ele estava lendo romance histórico de Frans Gunnar Bengtsson The Long Ships, sobre Vikings e o rei Harald Bluetooth). A implicação é que o Bluetooth faz o mesmo com protocolos de comunicação, unindo-os em um padrão universal. O logotipo do Bluetooth é uma fusão entre as runas mais jovens Hagall e Bjarkan, as iniciais de Harald.

Conexão sem fio

O Bluetooth estabelece um tipo de conexão sem a necessidade de fios com outros aparelhos que tenham a mesma tecnologia, possibilitando troca de dados e interação entre eles. (Foto: a2dp4audi.netmagi.com)

Tecnologia sem fio

Como outras tecnologias sem fio, o Bluetooth utiliza frequências de rádio para transmitir dados. Bluetooth opera a 2,45 GHz dentro do espectro de radiofrequências. Wi-Fi, o padrão sem fio tradicional para redes, difere-se da tecnologia Bluetooth, pois requer maior energia, funciona em distâncias maiores e destina-se a funcionar de um ponto fixo, estacionário, onde há um roteador sem fio ou um dispositivo que envia um sinal, e não se destina a ser transportado. Com a tecnologia sem fio Bluetooth, o sinal é fraco, destina-se a conservar a energia e é portátil. Uma grande vantagem do Bluetooth é que as conexões são automáticas, há pouca configuração necessária e uma interferência é mínima entre os dispositivos por causa de uma tecnologia que rompe os dados e os transmite em várias frequências. Através do Bluetooth, fica muito mais fácil para dois diferentes dispositivos se conectarem e transferirem arquivos.

Redes de área pessoal

Dispositivos Bluetooth que estão sob alcance um do outro criam o que tem sido chamado de uma rede pessoal ou piconet. Esta rede em miniatura pode variar de distância, chegando a abranger até uma sala inteira. A maioria dos dispositivos Bluetooth só tem uma gama de alcance entre 10 a 100 metros. Se você tiver vários dispositivos Bluetooth portáteis, isso é muito conveniente, pois você não precisa se preocupar com cabos para trocar dados, sincronizar seus arquivos e até para usar seu aparelho celular como modem.

Tecnologias Bluetooth

Com as evoluções dos padrões Bluetooth, a tendência é que o alcance dos dispositivos fique maior, assim como a velocidade e qualidade na transferência de dados. E mesmo com as novas tecnologias na evolução do Bluetooth, ele ainda é retrocompatível, o que significa que ele pode se comunicar com aparelho que tenham versões do Bluetooth mais antigas.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)